E O Video Levou



Siga-nos no Twitter

Nossa comunidade no Facebook!


Faça login e tenha acesso completo
E-mail Senha


 Em: 

David Copperfield





David Copperfield
compartilhe
facebook
twitter
Email





Sinopse

A Inglaterra do século 19 não era um dos lugares mais fáceis para se viver - e ninguém foi capaz de retratar isso melhor do que Charles Dickens. Baseado no romance homônimo do autor, é uma adaptação cinematográfica dirigida pelo húngaro Peter Medak (Experiência 2 - A Mutação, A Troca). O título é um dos mais célebres de Dickens, ao lado de Oliver Twist, Um Conto de Natal, Grandes Esperanças e Pickwick Papers.

Publicada em partes entre maio de 1849 e novembro de 1850, é a obra que o autor, já consagrado na época, considerava sua favorita. Isso se deve também ao fato da história de David Copperfield, narrada em primeira pessoa desde o seu nascimento até o segundo casamento, ser largamente coincidente com a de Dickens. Hoje, a obra é considerada como paradigma dos romances biográficos pela intimidade que o autor consegue estabelecer entre a personagem central e o leitor.

A adaptação para as telas mostra como o jovem David Copperfield (interpretado por Max Dolbey, que faz sua estréia nas telas) superou sua triste e difícil infância com o padrasto (Anthony Andrews). A luta dos jovens para afirmar-se no universo adulto é um tema recorrente na obra do autor, assim como o desfecho positivo, repetido neste caso: David acaba se tomando um brilhante escritor (o personagem, na maioridade, é interpretado por Hugh Dancy).

David tenta, por meio dos livros, superar os traumas e opressões que sofreu e a dor que isso ainda lhe causa. O tema da infância traumática, a narrativa lúgubre e a busca da redenção são outras características marcantes da obra de Dickens.

Porém, David não está sozinho. Pode sempre contar com seu amigo Micawber (Michael Richards, que ganhou notoriedade interpretando Kramer, da série de TV Seinfeld, e agora tem sua própria série - The Michael Richards' Show), um homem sábio e otimista que vive situações hilárias. E também com a tia Betsey (Sally Field, que acumula dois Oscar - de Melhor Atriz: Norma Rae e Um Lugar no Coração), que é sua benfeitora.

É um retrato do homem tentando superar própria dor, mas, principalmente, de um escritor que tenta, por meio dos textos, descrever sua própria vida a fim de superá-la.

A mensagem social da história é passada muito mais como um sentimento de revolta gerado pelas privações e violências impostas ao personagem central, do que como um discurso aberto contra as injustiças do mundo.

Essa verdadeira batalha interior travada pelos personagens é outra característica dos personagens de Dickens. Talvez o mais célebre seja o avarento Ebenezer Scrooge, de Um Conto de Natal, que, mesmo no papel de vilão, conquistou a simpatia de diversas gerações - tanto que a história ganhou um sem-número de versões para as telas e Scrooge inspirou um dos personagens mais emblemáticos das histórias-em-quadrinho em todos os tempos, o Tio Patinhas de Walt Disney. Mas, em nenhuma outra obra, o tema de conflito e transformação é tão evidenciado como neste David Copperfield.
Ficha Tecnica
País: Estados Unidos
Gênero: Aventura
Ano de produção: 1999
Produtora: Warner Home Vídeo
Direção: Peter Medak
Elenco: Sally Field, Michael Richards



 








© Copyright - Centro de entretenimento E O Vídeo Levou
Rua Itaboraí, 550 - Jardim Botânico - Porto Alegre/RS
Tele-entrega: (51)3330-8733